sábado, 21 de agosto de 2010

Amanhã

O homem da minha vida faz 72 anos. É o meu Pai, o meu herói, da infância, da adolescência, de ontem de hoje e de sempre.
Amo-o muito e hei-de amá-lo sempre pelo que ele é, pelo que ele foi, por tudo e pelos defeitos também, fazem parte, mostram a parte humana.
Não vou estar (fisicamente) com ele. Anda em passeio com a Mummy por França. Não faz mal. Que estejam bem é suficiente.

3 comentários:

Pirussas disse...

um pai babado com duas mulheres, uma filha e uma mãe... não estar com ele é que é pior, mas ligam a web cam e falam... um abraço

As aventuras de um empregado gourmet

http://ohpirussas.blogspot.com/

Alberto Velez Grilo disse...

Parabéns atrasados. Tudo porque nem tenho ido a reader e nem tinha visto os Desvios. Isto fruto de um fim-de-semana intenso (no bom sentido).

Beijinhos

Reflexos disse...

Obrigada
Estão de férias em França...