sexta-feira, 29 de janeiro de 2010

E como não há duas sem três...

...hoje também é o último dia do David.
Não, não se vai reformar, nem vai para Angola. Vai para a terra dele, para Lisboa.
Tinha vindo para Braga por amor. Ironicamente, o amor dele foi colocado em Lisboa.
Agora com o o amor em Lisboa, ele mais uma vez corre atrás dele.
O Amor é lindo.
Felicidades David.

2 comentários:

Turmalina disse...

O David existe????...rsss...

Reflexos disse...

Existe sim, Turmalina.
Se o vires não dizes o que ali está.
Desprendido das coisas, insolente até, às vezes...
Ele não admite o que foi pela namorada que veio para Braga. Diz que foi ionde arranjou emprego mais depressa, mas agora vai para Lisboa sem nenhum emprego certo e despediu-se deste ;-)))