quarta-feira, 30 de dezembro de 2009

2010

Sei que me estou a tornar repetitiva, mas para quê fazer balanços?
Passado, como diz um amigo meu, já era. Foi bom? Então é para guardar e ir recordando. Foi mau? Para quê recordar? Não chegaram as 'dores' do momento? E essas tivemos mesmo de as passar. Agora é masoquismo!

O futuro pertence a 2010 e é nesse que nos devemos focar e porque não olhar em frente e pensar nas coisas boas que temos pela frente?

Deixem para lá o 2009!

E o que nos espera 2010?
Atenção isto não tem nada a ver com astrologia, mas sim com os frutos do que está semeado!

2 comentários:

Turmalina disse...

Hoje eu falava exatamente sobre colher o que se planta ao voltar de uma visita à um casal amigo.
Devido à uma atitude aqui e ali eles foram lentamente sendo afastados do intenso convívio social do qual faziam parte.Eu, de fora, observando-os poderia até ter previsto que isso iria acontecer. Mas hoje ao sair de lá senti pena deles pois estão como que abandonados.Em uma conversa aqui e outra alí tentei falar-lhes sobre a importância de uma boa semeadura,mas não sei se funcionou....eu espero que sim :o)
Um excelente 2010 prá vc, com muitas e muitas sementes...
Bjos

Reflexos disse...

Às vezes estamos tão perto das coisas que não as conseguimos ver e pode ser perigoso, muito perigoso!