sábado, 25 de abril de 2009

35 Anos

(foto tirada da net daqui)


35 anos passaram desde este dia, que parece ter sido ontem.

Foi um dia diferente, mas não muito para muitos e muito para outros. Para todos sim, foram diferentes os dias, as semanas, os meses, os anos que se seguiram...

Pessoas a saírem da prisão, a retornarem das colónias, do exílio da Europa... pessoas a poderem ser ouvidas pela primeira vez sem perderem a liberdade.

Palavras e nomes que estarão sempre associadas a este momento da história de Portugal: Salgueiro Maia, António de Spínola, Cravos, Largo do Carmo, Militares, Pide, Retornados, Paulo de Carvalho, Ary dos Santos, Grândola Vila Morena...

... e inevitavelmente a senha (Letras de José Niza, Música de José Calvário e voz de Paulo de Carvalho):

Quis saber quem sou
O que faço aqui
Quem me abandonou
De quem me esqueci
Perguntei por mim
Quis saber de nós
Mas o mar
Não me traz
Tua voz.
Em silêncio, amor
Em tristeza e fim
Eu te sinto, em flor
Eu te sofro, em mim
Eu te lembro, assim
Partir é morrer
Como amar
É ganhar
E perder
Tu vieste em flor
Eu te desfolhei
Tu te deste em amor
Eu nada te dei
Em teu corpo, amor
Eu adormeci
Morri nele
E ao morrer
Renasci
E depois do amor
E depois de nós
O dizer adeus
O ficarmos sós
Teu lugar a mais
Tua ausência em mim
Tua paz
Que perdi
Minha dor que aprendi
De novo vieste em flor
Te desfolhei...
E depois do amor
E depois de nós
O adeus
O ficarmos sós

3 comentários:

Eu Mulher disse...

Ainda bem que tudo acabou!

Viva a liberdade!!!


Beijão

Anónimo disse...

Ola Reflexos
Posso fazer uma pequena correção? A musica de "E depois do adeus" pertence ao Maestro José Calvário, nascido há 57 anos na "nossa" cidade do Porto e neste momento vivendo problemas de saude devido a um AVC sofrido em Novembro de 2008.
Beijinhos
SAO

Reflexos disse...

Obrigada Amiga São, pois eu enganei-me, é José Calvário, o nome desse grande Maestro.
Sabia que estava doente, mas não sabia que era um AVC.
Desde já as melhoras para ele. Faz parte do nosso património artistico que não podemos, nem queremos perder tão cedo.

( vou já corrigir)

BJocas
Reflexos