domingo, 23 de agosto de 2009

Maluda, o álbum


Está disponível aqui um álbum, que reúne obra de Maluda e inclui a sua primeira biografia.

Intitula-se Maluda e reúne 500 ilustrações representando 90% da obra total da artista plástica, num total de 400 páginas.

O álbum tem uma prefácio do Presidente da República, Cavaco Silva, e uma introdução do historiador de arte José-Augusto França, tendo sido recolhidos testemunhos de muitos que conviveram com a artista que pintou janelas, eléctricos, retratos, paisagem urbana e, «por capricho, fez uma série de quatro telas de frutos».

Actualmente, na Assembleia da República está patente uma exposição retrospectiva da pintora que encerra dia 30 de Agosto, comissariada por Rodrigues Batista.

A mostra reúne 50 obras da artista - paisagens, janelas, retratos e obra gráfica, pertencentes a várias colecções públicas e privadas - muitas das quais nunca tinham estado expostas ao público.

Notícia Sol/Lusa

2 comentários:

Turmalina disse...

Olá...
Obrigada pela visita e também por ter compreendido em plenitude o que eu disse sobre o quase :o)
Ah...adorei conhecer Maluda, ela era linda e de olhar penetrante.Pessoas interessantes possuem olhares assim. Gostei muito de seus telhados!
Suas cores me lembraram uma brincadeira de infância, Ministeck.Eram umas pecinhas plásticas, retangulares quadriculares, em diversas cores que formavam mosaicos. Eu passava horas entretida.
Ah...amo a frase de Donne!!! Minha vida pauta-se muito pelo que disse.
Apareça!

Reflexos disse...

Olá Turmalina,
Seja bem vinda ao Desvios.
A MAluda é realmente única. E a frase de Domme só é lamentável que as pessoas ainda não tenham percebido que sozinhas não são ninguém!